A mobilização russa poderia ter superado em muito os 300.000 homens anunciados

Para lidar com as pesadas perdas registradas desde o início do conflito na Ucrânia, Vladimir anunciou em 21 de setembro uma mobilização parcial de 300.000 homens com idades entre 18 e 49 anos. De acordo com os anúncios feitos pelo líder russo e seu ministro da Defesa, Sergei Shoighou, tratava-se sobretudo de mobilizar homens com experiência militar recente (-5 anos), descartando a ideia de mobilização geral, intimamente ligada à próprio conceito de guerra, isso vai de encontro à narrativa do Kremlin que, desde o início do conflito, fala de Operações Militares Especiais. Muitos depoimentos nas redes sociais russas mostraram…

Leia o artigo

Pequim pode impor um bloqueio à ilha de Taiwan no curto prazo?

Há poucos dias, o chefe de operações navais americano, almirante Gilday, insistiu nos riscos de um conflito hipotético desenfreado entre a República Popular da China e Taiwan, em um cronograma reduzido. Para o oficial norte-americano, a Marinha dos EUA estima agora que uma ofensiva chinesa contra a ilha autónoma desde 1949 é provável até 2027, podendo mesmo intervir num futuro muito próximo, especificando que a janela de oportunidade já tinha começado. Suas declarações foram amplamente acreditadas pelas declarações do presidente Xi Jinping por ocasião do XX Congresso do Partido Comunista Chinês, mas também pela reorganização do alto comando chinês que o seguiu, colocando…

Leia o artigo
Meta-Defesa

GRÁTIS
VISTA