Os Estados Unidos anunciam o fim dos testes de seus sistemas antissatélites

Em 15 de novembro de 2021, a Rússia destruiu o satélite Kosmos-1408 usando um míssil antissatélite, fazendo com que quase 1500 pedaços de detritos fossem lançados em uma órbita movimentada, inclusive pela Estação Espacial Internacional. Desde a década de 60, nada menos que uma dezena de testes bem-sucedidos foram realizados pelos Estados Unidos, União Soviética/Rússia, China e Índia neste campo, criando mais de 6500 pedaços de detritos espaciais, dos quais 4500 ainda estão em órbita, ameaçando constelações de satélites civis e militares. Para Kamala Harris, a vice-presidente americana, agora era necessário acabar com essa escalada, incluindo,…

Leia o artigo

O programa do Reator Nuclear Transportável Pele do Pentágono decola

Todos os dias, o Pentágono consome 50 milhões de litros de combustível para suas forças armadas, e esse número pode mais que dobrar no caso de um grande combate. Além dos custos exorbitantes que esse consumo representa mesmo para um país produtor de petróleo como os Estados Unidos, e o impacto cada vez mais problemático para os cerca de 100 milhões de kg de CO2 liberados na atmosfera todos os dias, essa dependência também constitui uma dor de cabeça logística permanente para as forças americanas desdobradas fora do território, ainda que a Guerra na Ucrânia tenha demonstrado a imensa vulnerabilidade das cadeias logísticas diante dos modernos sistemas de armas e infantaria...

Leia o artigo
Meta-Defesa

GRÁTIS
VISTA